O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO - CAPÍTULO VII 1012

deria, mas então, onde estaria seu mérito, e, aliás de que isso serviria? Não são vistos, todos os dias, negarem-se à evidência e mesmo dizerem: Se eu visse não creria, porque sei que é impossível? Se eles se recusam em reconhecer a verdade é porque seu espírito não está ainda maduro para compreendê-la, nem seu coração para senti-la. O orgulho é a catarata que obscurece sua vista; de que serve apresentar a luz a um cego? É preciso, pois, primeiro curar a causa do mal e, como médico hábil, corrige primeiramente o orgulho. Ele não abandona, pois, seus filhos perdidos; sabe que, cedo ou tarde, seus olhos se abrirão, mas quer que isso seja por sua própria vontade, e, então, vencidos pelos tormentos da incredulidade, lançar-se-ão por si mesmos nos seus braços e, como o filho pródigo, lhe pedirão graça!

INSTRUÇÕES DOS ESPÍRITOS

O ORGULHO E A HUMILDADE

11. Que a paz do Senhor seja convosco, meus caros amigos! Venho até vós para vos encorajar a seguir o bom caminho.

Aos pobres Espíritos que, antigamente, habitavam a Terra, Deus dá a missão de vir vos esclarecer. Bendito seja pela graça que nos concede em poder ajudar o vosso adiantamento. Que o Espírito Santo me ilumine e me ajude a tornar minha palavra compreensível e que me conceda pô-la ao alcance de todos. Todos vós encarnados, que estais na dificuldade e procurais a luz, que a vontade de Deus me ajude para fazê-la brilhar aos vossos olhos!

A humildade é uma virtude bem esquecida entre vós; os grandes exemplos que vos foram dados são bem pouco seguidos e, todavia, sem a humildade, podeis ser caridosos para com o vosso próximo? Oh! não, porque esse sentimento nivela os homens; diz-lhes que são irmãos, que devem se entreajudarem e os conduz ao bem. Sem a humildade vos adornais de virtudes que não tendes, como se trouxésseis um vestuário para esconder as deformidades de vosso corpo. Recordai Aquele que nos salva; recordai sua humildade que o fez tão grande, e o colocou acima de todos os profetas.