O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO - CAPÍTULO XXI 1169

Ide, pois, meus filhos bem-amados, marchai sem vacilações, sem preconceitos, na rota bendita que empreendestes. Ide, ide sempre sem temor; afastai corajosamente tudo o que poderia entravar a vossa marcha até o objetivo eterno. Viajores, não estareis senão bem pouco tempo ainda nas trevas e nas dores da prova, se deixardes os vossos corações buscar essa doce doutrina que vem vos revelar as leis eternas, e satisfazer todas as aspirações da vossa alma quanto ao desconhecido. Desde o presente, podeis dar corpo a esses silfos fugazes que víeis passar em vossos sonhos, e que, efêmeros, não podiam senão encantar o vosso espírito, mas não diziam nada ao vosso coração. Agora, meus amados, a morte desapareceu para dar lugar ao anjo radioso que conheceis, o anjo do reencontro e da reunião! Agora, vós que bem cumpristes a tarefa imposta pelo Criador, não tendes mais nada a temer da sua justiça, porque ele é pai e perdoa sempre a seus filhos transviados que clamam misericórdia. Continuai, pois, avançai sem cessar; que a vossa divisa seja a do progresso, do progresso contínuo em todas as coisas, até que chegueis, enfim, a esse termo feliz onde vos esperam todos aqueles que vos precederam. (LUÍS, Bordéus, 1861).

CARACTERES DO VERDADEIRO PROFETA

9. Desconfiai dos falsos profetas. Esta recomendação é útil em todos os tempos, mas sobretudo nos momentos de transição em que, como neste, se elabora uma transformação da Humanidade, porque então uma multidão de ambiciosos e de intrigantes se coloca como reformadores e como messias. É contra esses impostores que é preciso se manter em guarda, e é dever de todo homem honesto desmascará-los. Perguntareis, sem dúvida, como se pode reconhecê-los: eis os seus sinais.

Não se confia o comando de um exército, senão a um general hábil e capaz de dirigi-lo; credes, pois, que Deus seja menos prudente do que os homens? Estai certos de que ele não confia as missões importantes senão àqueles que sabe capazes de cumpri-las, porque as grandes missões são fardos pesados que esmagariam o homem muito fraco para os carregar. Como em todas as coisas, o mestre deve saber mais do que o aprendiz; para fazer avançar a Humanidade moral e  intelectualmente, são precisos homens superiores em