A GÊNESE - CAPÍTULO DÉCIMO-SÉTIMO 1999

que atingimos os tempos anunciados, o que confirmam, sobre todos os pontos do globo, os Espíritos que se manifestam.

61. – Assim como se viu (cap. I, nº 32), o advento do Espiritismo, coincidente com outras circunstâncias, realiza uma das mais importantes predições de Jesus, pela influência que deve forçosamente exercer sobre as idéias. Além disso, está claramente anunciado, naquela que é reportada nos Atos dos apóstolos: "Nos últimos tempos, disse o Senhor, eu derramarei de meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão."

É o anúncio inequívoco da vulgarização da mediunidade, que se revela nos nossos dias nos indivíduos de todas as idades, de todos os sexos e de todas as condições, e, por conseqüência, da manifestação universal dos Espíritos, porque sem os Espíritos não haveria médiuns. Isso, está dito: acontecerá nos últimos tempos; ora, uma vez que não atingimos o fim do mundo, mas ao contrário, a sua regeneração, é necessário entender por essas palavras: os últimos tempos do mundo moral que acaba. (O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap. XXI).

JULGAMENTO FINAL

62. – Ora, quando o Filho do homem vier em sua majestade, acompanhado de todos os anjos, sentar-se-á sobre o trono de sua glória; – e todas as nações estando reunidas diante dele, separará umas das outras como um pastor separa as ovelhas dos bodes, e colocará as ovelhas à sua direita e os bodes à sua esquerda. – Então o Rei dirá àqueles que estão à sua direita: Vinde, vós, que fostes bendito por meu Pai, etc. (São Mateus, cap. XXV, v. de 31 a 46. – O Evangelho Segundo o Espiritismo, cap. XV).

63. – Devendo o bem reinar sobre a Terra, é necessário que os Espíritos endurecidos no mal, e que poderiam trazer-lhe perturbação, dela sejam excluídos. Deus deixou-lhes o tempo necessário para a sua melhoria; mas, tendo chegado o momento em que o globo deve se elevar na hierarquia dos mundos, pelo progresso moral de seus habitantes, a estada, como Espíritos e como Encar-