OBRAS PÓSTUMAS - SEGUNDA PARTE 2349

Pergunta. – Se nada vier embaraçá-la, a obra poderá aparecer em dezembro. Prevedes obstáculos?

Resposta. – Não prevejo nada de dificuldades insuperáveis; a vossa saúde seria o principal, é por isso que vos aconselhamos, sem cessar, para não negligenciá-la. Quanto aos obstáculos exteriores, não pressinto nada de sério neles.

Dr. D.

22 DE FEVEREIRO DE 1868

(Comunicação particular. Médium sr. D...)

A GÊNESE

Em seguida a uma comunicação do Dr. Demeure, em que me dá sábios conselhos sobre as modificações a levar ao livro da Gênese, quando de sua reimpressão, da qual me convidou a me ocupar sem atraso, disse-lhe:

A venda tão rápida até aqui se acalmará, sem dúvida; é o efeito do primeiro momento. Creio, pois, que a quarta e a quinta edições terão mais tempo para se esgotarem. No entanto, como é necessário um certo tempo para a revisão e a reimpressão, importa não ser pego inesperadamente. Poderíeis me dizer, aproximadamente, quanto tenho de tempo diante de mim, para agir em conseqüência?

Resposta. – É um trabalho sério essa revisão, e vos convido a não esperar muito tempo para empreendê-la: é melhor que estejais pronto antes da hora do que se se devesse esperar depois de vós. Sobretudo, não vos apresseis. Apesar da contradição aparente de minhas palavras, me compreendeis sem dúvida. Colocai-vos prontamente à obra, mas não a tendes continuamente por muito tempo. Tomai vosso tempo: as idéias serão mais límpidas, e o corpo com isso ganhará, fatigando-se menos.