O LIVRO DOS ESPÍRITOS - LIVRO II - CAP. XI - OS TRÊS REINOS 277

CAPÍTULO XI

OS TRÊS REINOS

1. Os minerais e as plantas – 2. Os animais e o homem.

3. Metempsicose.

OS MINERAIS E AS PLANTAS.

585 – Que pensais da divisão da Natureza em três reinos, ou em duas classes: os seres orgânicos e os seres inorgânicos? Alguns fazem da espécie humana uma quarta classe. Qual dessas divisões é preferível?

– São todas boas, dependendo do ponto de vista. Materialmente, não há senão seres orgânicos e seres inorgânicos; sob o ponto de vista moral há, evidentemente, quatro graus.

Esses quatro graus têm, com efeito, caracteres nítidos, ainda que seus limites pareçam se confundir. A matéria inerte, que constitui o reino mineral, não tem senão uma força macânica. As plantas, compostas de matéria inerte, são dotadas de vitalidade. Os animais, compostos de matéria inerte e dotados de vitalidade, têm a mais uma espécie de inteligência instintiva, limitada, com a consciência de sua existência e de sua individualidade. O homem, tendo tudo o que há nas plantas e nos animais, domina todas as outras classes por uma inteligência especial, indefinida, que lhe dá a consciência do futuro, a percepção das coisas extra-materiais e o conhecimento de Deus.

586 – As plantas têm consciência de sua existência?

– Não, elas não pensam e não têm senão vida orgânica.

587 – As plantas experimentam sensações? Sofrem quando mutiladas?

– As plantas recebem as impressões físicas que agem sobre a matéria, mas não têm percepções e, por conseguinte, não têm sentimento de dor.