O LIVRO DOS MÉDIUNS - SEGUNDA PARTE - CAPÍTULO XI 617

então dizer: desejas tal coisa? Não; tal outra? Sim; e assim por diante.

140. É de se notar que com o emprego desse meio o Espírito,  freqüentemente, utiliza uma espécie de mímica, quer   dizer, que exprime a energia da afirmação ou da negação  à  força  de  pancadas. Exprime também a natureza  dos sentimentos que o animam: a violência pela rudeza  dos  movimentos;  a cólera e a impaciência batendo com   força   os   golpes  reiterados  como uma pessoa que bate  o  pé   com desatino,  algumas  vezes jogando a mesa por  terra.  Se  é benevolente e polido, no começo e no fim da  sessão,   inclina a mesa em forma de cumprimento; se quer  se dirigir diretamente a uma pessoa da sociedade, dirige  a  mesa  até  ela com doçura ou violência, segundo o  que  quer  lhe  testemunhar  de  afeição ou de antipatia. Está aí, propriamente falando, a sematologia ou linguagem dos sinais, como a tiptologia é a linguagem das pancadas. Eis um notável exemplo do emprego espontâneo da sematologia:

Um senhor do nosso conhecimento, estando um dia em seu salão, onde várias pessoas se ocupavam com as manifestações, recebeu nesse momento uma carta nossa. Enquanto a lia, a mesinha que servia às experiências veio de repente até ele. Acabada a leitura da carta, vai colocá-la sobre uma mesa na outra extremidade do salão; a mesinha o segue e se dirige para a mesa onde estava a carta. Surpreso com essa coincidência, pensa que há alguma relação entre esse movimento e a carta; interroga o Espírito, que responde ser nosso Espírito familiar. Tendo ele nos informado das circunstâncias, pedimos por nossa vez ao Espírito dizer-nos o motivo da visita que lhe tinha feito; respondeu: "É natural que eu visite as pessoas com as quais estás em relação, a fim de poder, se for preciso, dar-te, assim como a elas, os avisos necessários."

É, pois, evidente que o Espírito quis chamar a atenção desse senhor, e procurava uma ocasião de lhe fazer saber que estava lá. Um mudo não lhe teria indicado melhor.

141. A tiptologia não tarda a se aperfeiçoar, e se enriquece com um meio de comunicação mais completo, o da