O LIVRO DOS MÉDIUNS - SEGUNDA PARTE - CAPÍTULO XXI 719

CAPÍTULO XXI

INFLUÊNCIA DO MEIO

231. 1. O meio no qual se encontra o médium, exerce alguma influência sobre as manifestações?

Todos os Espíritos que rodeiam o médium o ajudam no bem como no mal.

2. Os Espíritos superiores não podem triunfar da má vontade do Espírito encarnado que lhes serve de intérprete, e daqueles que o cercam?

Sim, quando julgam útil, e segundo a intenção da pessoa que se dirige a eles. Já o dissemos: os Espíritos, os mais elevados podem, algumas vezes, se comunicar   por um favor especial, malgrado a imperfeição do médium e do meio, mas então estes permanecem completamente estranhos a isso.

3. Os Espíritos superiores procuram conduzir as reuniões fúteis a idéias mais sérias?

Os Espíritos superiores não vão a reuniões onde sabem que a sua presença é inútil. Nos meios pouco instruídos, mas onde há sinceridade, vamos voluntariamente mesmo quando aí não encontrássemos senão instrumentos medíocres; mas nos meios instruídos onde a ironia domina, não vamos. Ali é preciso falar aos olhos e aos ouvidos: é o papel dos Espíritos batedores e zombeteiros. É bom que as pessoas que se gabam de sua ciência sejam humilhadas pelos Espíritos menos sábios e menos avançados.