O LIVRO DOS MÉDIUNS - SEGUNDA PARTE - CAPÍTULO XXIX 853

rio, esperamos que as reuniões verdadeiramente sérias, como já existem em diversas localidades, se multiplicarão, e não hesitamos em dizer que será a elas que o Espiritismo deverá sua mais poderosa propagação; congregando os homens honestos e conscienciosos, imporão silêncio à crítica, e quanto mais suas intenções sejam puras, mais serão respeitadas, mesmo por seus adversários; quando a zombaria ataca o bem, cessa de fazer rir: torna-se desprezível. Será entre as reuniões desse gênero que um verdadeiro laço de simpatia, uma solidariedade mútua se estabelecerão pela força das coisas e contribuirão para o progresso geral.

342. Seria um erro crer que as reuniões, onde se ocupa mais especialmente das manifestações físicas, estejam fora desse concerto fraternal, e que excluem todo pensamento sério; se não requerem condições tão rigorosas, não será impunemente que sejam assistidas com leviandade, e se enganaria quem cresse que o concurso dos assistentes nelas sejam absolutamente nulo; tem-se a prova do contrário no fato de que, freqüentemente, as manifestações desse gênero não podem se produzir em certos meios. Há, pois, também para isso influências contrárias, e essas influências não podem estar senão na divergência ou na hostilidade de sentimentos que paralisam os esforços dos Espíritos.

As manifestações físicas, como dissemos, têm uma grande utilidade; abrem um vasto campo ao observador, porque é toda uma ordem de fenômenos insólitos que se desenrola aos seus olhos, e cujas conseqüências são incalculáveis. Uma assembléia pode, pois, ocupar-se com objetivos muitos sérios, mas não poderia atingi-los, seja como estudo, seja como meio de convicção, se não se coloca em condições favoráveis; a primeira de todas é, não a fé dos assistentes, mas seu desejo de se esclarecerem, sem prevenção, sem idéia preconcebida de rejeitar mesmo a evidência; a segunda é a restrição do seu número para evitar a mistura de elementos heterogêneos. Se as manifestações físicas são produzidas, em geral, por Espíritos menos avançados, não deixam de ter um objetivo providencial, e os bons